Saúde

Coelho Neto: centenas de pacientes são atendidos durante a segunda etapa do Mutirão do Glaucoma Publicada em 20/02/2018 21:28:53

A Prefeitura de Coelho Neto, através da Secretaria Municipal de Saúde, realizou mais uma etapa do 'Mutirão do Glaucoma' em parceria com o Governo do Estado e Hospital da Visão do Maranhão. As consultas foram realizadas no Centro de Imagem e Diagnóstico e reuniu centenas de pacientes.

O mutirão permite a detecção precoce da doença, o que contribui para o tratamento mais rápido e adequado, evitando a perda da visão. Além disso, é possível realizar o diagnóstico de outras doenças como a catarata, que também é frequente no laudo dos pacientes durante a realização das ações de combate ao glaucoma.

“Desde de outubro, a gestão do Prefeito Américo de Sousa, por meio da Secretria Municipal de Saúde, vem realizando campanhas para avaliação oftalmológica. A parceria com o Governo do Estado é de fundamental importância . O cuidado com a saúde visual da população de Coelho Neto tem sido também uma marca registrada da atual gestão”, destacou Olímpia Delgado.

Considerada uma doença silenciosa e assintomática, o glaucoma causa danos ao nervo óptico, geralmente por causa do aumento da pressão intraocular. Por isso, durante o atendimento no mutirão, os pacientes passam por exames como a campimetria, a tonometria e a fundoscopia.

O Prefeito Américo de Sousa fez questão de acompanhar a realização do mutirão ao lado da Secretária de Saúde Olímpia Delgado e da Secretária de Governo e Articulação Política Cristiane Bacelar e destacou a importância da ação para a comunidade coelhontense. "Para nós é muito gratificante a realização deste mutirão. Cerca de 500 pessoas foram atendidas, isso é mais um resultado da nossa parceria com o Governo do Estado. Estamos juntos garantindo o acesso ao tratamento e disseminando mais informações de prevenção ao glaucoma. O mutirão é uma ação permanente de assistência em saúde oftalmológica, que tem se mostrado resolutiva e necessária”.

A equipe do mutirão realizou consultas e exames e, nos casos diagnosticados de glaucoma, o paciente recebeu de imediato, colírios para o tratamento de três meses por meio da Secretaria de Estado da Saúde.

Mais em Saúde


Receba nossa Newsletter. Deixe seu nome e e-mail!